Floripa News
Cota??o
Florian?polis
Twitter Facebook RSS

Análise diaria mercado agricola milho soja açucar

Publicado em 21/10/2020 Editoria: AgroNews Comente!


MILHO - CORN 
 

Os preços internacionais do milho futuro também contabilizaram ganhos nesta quarta-feira na Bolsa de Chicago (CBOT). As principais cotações registraram movimentações positivas entre 2,50 e 5,00 pontos ao final do dia.

Segundo informações do site internacional Farm Futures, os grãos foram novamente mais elevados no comércio noturno puxados pela demanda contínua por produtos agrícolas dos Estados Unidos combinado com atrasos na colheita devido à neve e chuva nas planícies altas e no meio-oeste que ajudaram a aumentar os ganhos de preço no complexo de milho pela manhã.

miho  
       
  B3 (Bolsa)    
nov/20 85,4 1,76%  
jan/21 85,32 1,52%  
mar/21 84,4 1,83%  
mai/21 79,01 1,27%  
Última atualização: 18:00 (21/10)  

Os exportadores venderam 132.000 toneladas de grãos dos EUA para um país não identificado, disse o Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA) em um relatório ontem.“O anúncio de terça-feira marca o sétimo dia útil consecutivo em que o USDA anunciou vendas de produtos agrícolas dos EUA para compradores estrangeiros”, destaca o analista Tony Dreibus.

Os preços futuros do milho tiveram um dia de grandes valorizações na Bolsa Brasileira (B3). As principais cotações registravam movimentações positivas entre 4,74% e 5,03% por volta das 16h21 (horário de Brasília).

O vencimento novembro/20 era cotado à R$ 83,92 com valorização de 5,03%, o janeiro/21 valia R$ 84,04 com elevação de 4,92%, o março/21 era negociado por R$ 82,88 com ganho de 4,91% e o maio/21 tinha valor de R$ 78,02 com alta de 4,74%.

Preço do milho sobe no Brasil e chega à R$ 80,00 em Campinas/SP nesta 4ªfeira.

INDICADOR DO MILHO ESALQ/BM&FBOVESPA (Mercado)  
  VALOR R$ VAR./DIA VAR./MÊS VALOR US$  
21/10/2020 75,39 2,81% 18,48% 13,45  
20/10/2020 73,33 2,57% 15,24% 13,1  
19/10/2020 71,49 1,09% 12,35% 12,76  
16/10/2020 70,72 0,60% 11,14% 12,53  
15/10/2020 70,3 1,11% 10,48% 12,53  

Para o analista da Germinar Corretora, Roberto Carlos Rafael, essas cotações podem subir ainda mais, com a B3 puxando o mercado físico, mas existe um limite para as altas e ele está atrelado à paridade de importação, que nos cálculos dele, já está próxima.

A pandemia fez disparar o consumo de muitos alimentos e o setor de rações está trabalhando em carga máxima. Como o milho é um dos principais ingredientes da ração, isso deixa a procura pelo cereal muito forte.

 

SUGAR - AÇUCAR

 

Os futuros do açúcar bruto encerraram a sessão em queda na ICE, conforme o mercado se consolida.

O contrato março do açúcar bruto fechou em queda de 0,18 centavo de dólar, ou 1,2%, a 14,54 centavos de dólar por libra-peso, após tocar uma máxima de sete meses e meio na segunda-feira (14,72 centavos).

Corretores disseram que a ampla posição comprada mantida por fundos, de cerca de 200 mil contratos, deixa o mercado suscetível a correções para baixo.

INDICADOR DO AÇÚCAR CRISTAL ESALQ/BVMF - SANTOS  
  VALOR R$ VAR./DIA VAR./MÊS VALOR US$    
21/10/2020 94,8 0,30% 7,09% 16,91    
20/10/2020 94,52 1,97% 6,78% 16,89    
19/10/2020 92,69 1,07% 4,71% 16,54    
16/10/2020 91,71 0,27% 3,60% 16,25    
15/10/2020 91,46 0,69% 3,32% 16,3    
Nota: Reais por saca de 50 kg, com ICMS (7%) .        
  media R$ 93,04        
  valor saco $ 16,58        
  valor ton $ 331,68  porto santos - FAS - icmusa 130 - 180  
                          com 7% icms    

Há, no entanto, preocupações de que as ofertas possam ficar apertadas no início do ano que vem, com o período de entressafra no Brasil e a possibilidade de exportações limitadas da Índia, caso a política de subsídios do país seja adiada ou derrubada.

O Egito possui mais de 1 milhão de toneladas de açúcar em reservas, o suficiente para mais de quatro meses, disse o Ministério da Agricultura do país.

O açúcar branco para dezembro recuou 6,40 dólares, ou 1,6%, para 396,80 dólares a tonelada.

Enquanto isto, os preços do açúcar cristal seguem em alta no mercado spot nacional, sustentados pela baixa oferta / menor disponibilidade.

 
SOYBEAN - SOJA

 

A quarta-feira (21) registra novas e boas altas para o mercado da soja na Bolsa de Chicago. Perto de 7h10 (horário de Brasília), as cotações subiam entre 8,50 e 10 pontos, levando o novembro a US$ 10,73 e o março a US$ 10,57 por bushel. Não há grandes novidades para os futuros da oleaginosa no momento, porém, os fundamentos atuais já são suficientes para a manutenção das altas, como explicam analistas e consultores. 

SOJA - CME - CHICAGO  
CONTRATO US$/bu Variação (cts/US$) Variação (%)  
nov/20 10,72 8 0,75  
jan/21 10,715 7,75 0,73  
mar/21 10,5875 5,75 0,55  
mai/21 10,55 6,25 0,6  
Última atualização: 16:01 (21/10)    
         

"Os fundamentos conspiram a favor de preços internacionais mais altos, movimento que só deve ser interrompido por  momentos de garantia de lucros, especialmente se o clima voltar a se normalizar no Brasil e/ou houver maior grau de pessimismo em relação a vacina Covid19", afirma  consultor da TradeHelp e da Cerealpar, Steve Cachia.

Assim, o viés altista para os preços na CBOT continua, ainda segundo Cachia, e monitorando a demanda chinesa nos EUA, o plantio atrasado no Brasil e também o movimento do dólar frente ao real. 

O dólar dá um passo para trás e dois para frente, visto que ainda há muitas incertezas relacionadas a eleição presidencial nos EUA, Covid19 no mundo e da situação fiscal no Brasil, as quais levam investidores a se proteger mais do que arriscar", complementa o consultor.

  soja US$ 5,61  
         
  B3 (Bolsa)      
CONTRATO US$/sc R$/sc VAR  
nov/20 23,61 132,4521 0,60%  
         
Última atualização: 15:21 (21/10)  

Os futuros da soja registraram ganhos de dois dígitos em março a julho de 21. As proximidades de Nov e Jan também ganharam 9 centavos e meio no dia. A base média nacional de grão na CmdtyView foi de 54 centavos em novembro em 20/10.

Os futuros da soja no mercado chinês de Dalian fecharam em 4.790 yuan/MT (~$19,53/bu) em 19/10. Farelo de soja foi de $0,60 a $1,30/tonelada de queda no final. O óleo de soja fechou a sessão em 76 a 78 pontos.

No mercado brasileiro, os preços da soja continuam subindo. 

Nesta Quarta-feira, a demanda chinesa se concentrou nos embarques de janeiro e fevereiro com interesses de compra esporádicos indicados para os embarques do 2º trimestre e do 3º trimestre de safra nova brasileira, afirmou a TF Agroeconômica. “O embarque de soja dos EUA do Golfo prêmio estável em 265 c/bu sobre os futuros de janeiro na CFR China e o mesmo carregamento da PNW foi oferecido 10 c/bu abaixo dos níveis do Golfo”, comenta. 

SOJA - PREMIO  
CONTRATO VALOR  
out/20 200  
nov/20 210  
fev/21 115  
mar/21 85  
Última atualização: 21/10/2020  

“Os níveis negociáveis permaneceram inalterados a partir de segunda-feira, com o embarque de janeiro da PNW avaliado em 250 c/bu em relação aos futuros de janeiro. Para o grão brasileiro, as ofertas para envio de março de Santos estavam em 175 c/bu sobre os futuros de março em base CFR versus ofertas a 183 c/bu sobre os mesmos futuros. Os embarques de abril e maio foram de 160 c/bu e 164 c/bu sobre os futuros de maio, respectivamente, com ofertas para esses embarques posicionadas 4-8 c/bu acima das ofertas”, completa. 

No Brasil, as vendas de agricultores avançam em 55% agora, muito superiores aos anos anteriores, embora a venda de agricultores permaneça lenta. “Nos mercados FOB, os prêmios permaneceram amplamente inalterados em torno de 128 c/bu para fevereiro, deixando os preços fixos absorvendo o aumento futuro. Para fevereiro, o carregamento equivalia a US$ 433/t, um aumento de cerca de US$ 3/t no dia”, indica. 

“Em Santos, alguns interesses de venda foram ouvidos para fevereiro, embora em níveis que equivaleram a ofertas de cerca de 150 c/bu. Os preços fixos para fevereiro foram fixados em $438/t. O Brasil exportou apenas 943 mil t na semana passada”, conclui. 

               
Preço soja referência (chicago ):$/MT 471,05   21/out    
               
Preço Brasil - esalq - Paranaguá: $/MT 473,77   21/out    
               
Preço Brasil - MI - Paranaguá: $/MT 463,46   21/out    
PREÇO REFERÊNCIA FAS PARANAGUÁ NET.  Preço Brasil MI = R$ 156 por saca    
               

Os preços subiram mais R$ 1,50/saca para R$ 165,50 no porto gaúcho de Rio Grande, para pagamento em 6 de novembro. Em Canoas o preço também subiu R$ 1,00 para R$ 165,00 para pagamento em 06 de novembro. Em Ijuí e em Cruz Alta mantiveram o preço do dia anterior a R$ 165,00, para final de novembro e em Passo Fundo, subiram mais um real para R$ 168,00, para final de novembro. Em Santa Rosa, os preços mantiveram R$ 165,00/saca.

No Paraná, no entanto, eles recuaram R$ 4,00/saca para R$ 156,00 em Ponta Grossa. No mercado de balcão o preço oferecido ao agricultor na região de Ponta Grossa manteve a alta do dia anterior a R$ 150,00.

INDICADOR DA SOJA ESALQ/BM&FBOVESPA - PARANAGUÁ  
  VALOR R$ VAR./DIA VAR./MÊS VALOR US$ p
21/10/2020 159,47 -0,98% 7,66% 28,44  
20/10/2020 161,05 1,99% 8,73% 28,77  
19/10/2020 157,91 -0,96% 6,61% 28,18  
16/10/2020 159,44 1,55% 7,64% 28,24  
15/10/2020 157,01 -0,41% 6,00% 27,98  

No mercado de lotes, para entrega em outubro o preço recuou R$ 4,00/saca para R$ 156,00/saca, em Ponta Grossa, pagamento meados de novembro. No interior dos Campos Gerais, porém, o preço continuou a R$ 160,00, retirada outubro, pagamento em novembro.   Em Paranaguá a cotação do mercado disponível recuou um real/saca para R$ 155,00, entrega no mês e pagamento final de outubro. Também para a safra 2021, o preço permaneceu inalterado emR$  133,00/saca, em Ponta Grossa, entrega e pagamento abril/abril e R$ 136,00 em Paranaguá para entrega em março e pagamento em abril de 2021.

 

 

› FONTE: Floripa News (www.floripanews.com.br)

Comentários