Floripa News
Cota??o
Florian?polis
Twitter Facebook RSS

IASC concede comenda a Jose Isaac Pilati

Publicado em 09/11/2017 Editoria: Geral Comente!


Jose Isaac Pilati

Jose Isaac Pilati

O Instituto dos Advogados de Santa Catarina (IASC) promove em Florianópolis, no dia 29 de novembro, sessão solene aberta ao público para entrega da comenda Conselheiro Manoel da Silva Mafra ao advogado e professor, Dr. Jose Isaac Pilati. A cerimônia ocorrerá às 20h, no auditório do Fórum do Norte da Ilha, localizado próximo ao Centro de Ciências Jurídicas da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), no bairro Trindade.

Os interessados devem confirmar participação até o dia 17 de novembro pelo e-mail: iascsecretaria@gmail.com ou telefone: (48) 30390059.

Sobre o homenageado

Jose Isaac Pilati é Graduado em Direito pela Universidade Federal do Paraná (1973), Mestre (1989) e Doutor (1995) em Direito pela Universidade Federal de Santa Catarina. Professor Titular da UFSC, credenciado junto ao Programa de Pós-Graduação em Direito. Foi Juiz do Tribunal Regional Eleitoral de Santa Catarina (TRE/SC) de 2005 a 2007.  Presidiu a Academia Desterrense de Letras de Florianópolis e a Academia de Letras de Palhoça, atualmente é vice-presidente da Academia Catarinense de Letras Jurídicas (ACALEJ) e membro efetivo do IASC. Pilati é considerado um paradigma da advocacia, sendo exemplo entre os colegas e profissionais não apenas pela carreira vitoriosa, mas ainda pela condição ética.

Nome da comenda

O Conselheiro Manoel da Silva Mafra (Conselheiro Mafra), nasceu em Florianópolis, no dia 12 de outubro de 1831, foi político e jurista. Como advogado, contribui na questão de limites entre Santa Catarina e o Paraná, conhecida como Guerra do Contestado. Além da atuação em tribunais, é reconhecido pela obra “Exposição Histórico-Jurídica por parte do Estado de Santa Catarina”, base da defesa catarinense e apontada como vital para o ganho da causa. Faleceu em 11 de março de 1907, antes do desfecho do conflito.

› FONTE: Floripa News (www.floripanews.com.br)

Comentários