Floripa News
Cota??o
Florian?polis
Twitter Facebook RSS

“Estão me acusando em falso”, diz médico que teve o registro cassado

Publicado em 09/10/2017 Editoria: Entrevista Comente!


“A Medicina tradicional é arrogante. Doenças degenerativas podem ser prevenidas. O novo homem pode viver até 126 anos” diz Vinholis em suas palestras

“A Medicina tradicional é arrogante. Doenças degenerativas podem ser prevenidas. O novo homem pode viver até 126 anos” diz Vinholis em suas palestras

Luiz Augusto Barreto Vinholis teve o registro profissional de médico cassado pelo Conselho Federal de Medicina (CFM) em cinco estados – Goiás, São Paulo, Minas Gerais, Distrito Federal e Paraná. Formado em medicina em 1978 e em Ciências Biológicas – (modalidade médica) em 1972, Vinholis nega as acusações e hoje se intitula apenas como cientista bio-médico.

No Paraná, a cassação ocorreu porque de acordo com o Conselho Regional de Medicina do estado, Vinholis infringiu os artigos 124, 132 e 133 do Código de Ética Médica.

Com a atualização do Código ocorrida em 2009, o texto do artigo 124 foi transformado em Parágrafo Único e o 132 e 133 correspondem respectivamente aos artigos 112 e 113 do atual Código de Ética Médica. Tais artigos podem ser encontrados no Capítulo XII e XIII do documento. 

Capítulo XII

Parágrafo único. A utilização de terapêutica experimental é permitida quando aceita pelos órgãos competentes e com o consentimento do paciente ou de seu representante legal, adequadamente esclarecidos da situação e das possíveis consequências.
[...]

Capítulo XII

É vedado ao médico:

Art. 112. Divulgar informação sobre assunto médico de forma sensacionalista, promocional ou de conteúdo inverídico.

Art. 113. Divulgar, fora do meio científico, processo de tratamento ou descoberta cujo valor ainda não esteja expressamente reconhecido cientificamente por órgão competente.
[...]

Em entrevista por e-mail, Vinholis reiterou a legalidade do Spa que possui em Brasília e dos tratamentos terapêuticos oferecidos. “Pago todos os impostos. Estou autorizado pelas Portarias 971 e 849 do Ministério da Saúde. Então, tudo legalizado”.

A Portaria 971 do Ministério da Saúde, publicada em maio de 2006, aprova a Política Nacional de Práticas Integrativas e Complementares (PNPIC) no Sistema Único de Saúde (SUS). O texto inclui práticas como a acupuntura, homeopatia, uso de plantas medicinais, fitoterapia e a crenoterapia - uso de águas minerais. A Portaria 849, instituída em março deste ano, inclui outras terapias na PNPIC.

O bio-médico ainda realiza nesta segunda-feira (9), em Florianópolis, uma palestra intitulada “Juventude na terceira idade e os segredos da longevidade” e outro evento na mesma semana, em Balneário Camboriú. O Floripa News fez mais algumas perguntas ao empresário. Confira a entrevista abaixo:

Floripa News - De acordo com a sua assessoria, o senhor sofreu perseguição nos estados em que teve o registro cassado. Por que o senhor acha que isso aconteceu?

Luiz Augusto Vinholis - Trabalho como cientista bio-médico formado pela USP há 45 anos. Formei em medicina também pela USP há 39 anos, especializei-me em pediatria (com título de especialista da Sociedade Brasileira de Pediatria), mas nunca me adaptei com a metodologia medicamentosa das indústrias farmacêuticas. Sempre gostei de receitar fitoterápicos e procedimentos naturais.

Tive um processo disciplinar há seis anos por receitar essas ervas medicinais e por estar ainda aparecendo nos primeiros lugares do Google na pesquisa há seis anos. “Doenças degenerativas tratamento no Brasil e no mundo”. Acusado de eu ter me colocado na pesquisa por pagamento ao Google e isso nunca aconteceu! Sempre foi por mérito!!!! Nunca paguei propaganda!

Tive que entrar com processo na Justiça Federal contra o CFM por estar me acusando em falso. O processo ainda está sendo julgado. Estou aguardando o julgamento da Justiça Federal.

Como cientista bio-médico da USP, que é outra profissão, sinto-me mais a vontade de poder aplicar a naturopatia. Tenho empresa registrada com CNPJ – tudo regulamentado e autorizado!

FN -  O senhor defende um tratamento exclusivo com terapias naturais? Independente da doença que a pessoa já tenha?

Vinholis – Qualquer pessoa portadora de doença degenerativa tem a chance de poder ser recuperada, se forem aplicadas terapias complementares orientadas pelas Portarias 971 e 849 do Ministério da Saúde. São exatamente as que eu sempre apliquei. Porém, o Conselho de Medicina não concorda com o Ministério da Saúde. Esse é o nosso país!!!!!


FN - O senhor afirma que a medicina está refém da indústria química e que existe a grande possibilidade de haver a recuperação das pessoas nos patamares: neurológico, mental, físico e emocional por meio da Naturopatia. No que consiste a Naturopatia? O que as pessoas precisariam mudar em sua rotina para adotar esse tipo de tratamento?

Vinholis – São reconhecidas as fragilidades de cada pessoa através do mapeamento do Shiatsu-massagem japonesa e da avaliação visual. Além do mineralograma do cabelo que vão dar um caminho bastante confiável para serem aplicadas as terapias complementares da naturopatia. São orientadas dietas especiais baseadas nesse perfil de cada um.
 

FN - Por que decidiu vir a Florianópolis? O senhor tem planos de abrir alguma filial da sua empresa na região?

Vinholis – Sim. Fui convidado por amigos que conhecem nosso trabalho, inclusive já participaram do Spa e gostaram muito.


FN - Como funcionará o Spa de desintoxicação em Balneário Camboriú? Também é um evento gratuito?

Vinholis – O evento em Balneário Camboriú será um evento pago porque temos uma equipe de terapeutas profissionais bastante treinada que estará trabalhando com a desintoxicação durante cinco dias, sob meu comando, de acordo com a necessidade de cada participante. 

› FONTE: Floripa News (www.floripanews.com.br)

Comentários