Floripa News
Cota??o
Florian?polis
Twitter Facebook RSS
Bondeconomia - Por Fernando Bond

Bondeconomia Por Fernando Bond

Bondeconomia - Por Fernando Bond

Buligon vai a Joinville e recebe demandas da CDL para apoiar obras e ações

Publicado em 23/02/2021 Comente!

SECRETÁRIO LUCIANO BULIGON JOINVILLE

SECRETÁRIO LUCIANO BULIGON JOINVILLE

Em seu primeiro compromisso fora da Capital, o novo secretário de Desenvolvimento Econômico Sustentável (SDE), Luciano Buligon, participou de reunião com a diretoria da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) de Joinville. Já no começo da conversa, destacou a importância do município para Santa Catarina e demonstrou otimismo com a recuperação da economia. “Tinha que começar o trabalho por aqui. Precisamos recuperar nossa autoestima e arregaçar as mangas para trabalhar e entregar o nosso melhor”, afirmou. Buligon disse que precisa de um secretário adjunto e espera que ele seja da região de Joinville. “Aqui tem um ambiente empreendedor. Precisamos desta união para preencher as lacunas. Quando voltar para a cidade, quero trazer indicativos e apresentar ações”, revelou.

 
DEMANDAS
 
O vice-presidente administrativo e de patrimônio, Marcos Bittencourt, representou o presidente José Manoel Ramos no encontro. “Para a CDL, saber que o secretário de planejamento é qualificado e comprometido com o empreendedorismo nos deixa mais otimistas”, revelou. A CDL apresentou duas demandas: o cabeamento subterrâneo na região central e a duplicação do acesso pela rua Ottokar Doerffel e Ministro Calógeras. Para isso, solicitou que a SDE ajude nas negociações com a Celesc para a ampliação da rede de fiação subterrânea. Atualmente, aproximadamente 5 quilômetros de rede na região central já estão implantados. Cerca de 4,2 mil metros já têm projeto aprovado, faltando somente a execução do mesmo. A entidade ainda propõe que pouco mais de 10 quilômetros de cabeamento subterrâneo sejam instalados.
 
CENTRO
 
Estas melhorias fazem parte do olhar da CDL Joinville sobre a proposta de ressignificação do Centro do prefeito Adriano Silva. Além de eliminar a poluição visual causada pelos postes e fios, outro benefício é a redução da manutenção da rede devido à redução das interrupções no fornecimento de energia além de preservar o meio ambiente porque proporciona melhor conservação e expansão da arborização.
 
DUPLICAÇÃO
 
A entidade também solicitou apoio para a duplicação das ruas Ottokar Doerffel e Ministro Calógeras. A intenção é que o trajeto se transforme na entrada principal de Joinville na direção da área central pela relevância dos serviços que são prestados nesta região, além do turismo e comércio. O coordenador da Câmara Multissetorial do Centro, Álvaro Cauduro, revelou que estas reivindicações ajudarão a melhorar a autoestima dos joinvilenses, que está abalada com a situação da região Central prejudicada com as obras de macrodrenagem do Rio Mathias. “Muitas lojas fecharam no Centro e ainda tem o problema dos ambulantes e andarilhos. O governo do Estado e a Celesc podem ajudar a melhorar esta região que contempla a história, a cultura, o turismo, a gastronomia e o comércio”, completou.
 
APOIO
 
“Precisamos de apoio do Governo. É um projeto fácil de executar pois o traçado atual é propício para a duplicação”, informou o vice-presidente de Serviço de Proteção ao Crédito (SPC), Carlos Antônio Grendene, que entregou ao secretário, junto com o vice-presidente Marcos, um ofício com os pedidos da entidade. Buligon revelou que as demandas são “pé no chão” e vai trabalhar para que sejam atendidas.
 
 
Fernando Bond

Comentários

Bondeconomia

Por Fernando Bond

Agenda

+ eventos

Classificados

+ anúncios